+55 11 97489-7338 Seg - Sex 9:00 - 19:00 | Sáb 10:00 - 17:00 Guarulhos, São Paulo
+55 11 97489-7338 Seg - Sex 9:00 - 19:00 | Sáb 10:00 - 17:00 Guarulhos, São Paulo

Filosofia do Dr. Edward Bach, criador da terapia com florais:

Para o Dr. Edward Bach, deve ser tratada a personalidade da pessoa e não a doença. A doença seria o resultado do conflito da alma (Eu Superior – a parte mais perfeita do Ser) e da personalidade (Eu Inferior – o que nós somos, no nosso dia a dia). Ele dizia: “O sofrimento é mensageiro de uma lição, a alma envia a doença para nos corrigir e nos colocar no nosso caminho novamente. O mal nada mais é do que o bem fora do lugar”.

O objetivo da terapia floral é o equilíbrio das emoções do paciente buscando a consciência plena do seu mundo interior e exterior

A terapia floral contribui para o equilíbrio das emoções, ou seja, procura diminuir ou eliminar stress, depressão, pânico, desespero, cansaço físico ou mental, solidão, indecisão, sensibilidade excessiva, todos os tipos de medos, ansiedades e preocupações que uma pessoa esteja sofrendo e integra e potencializa a firmeza interior. Assim harmonizando o sistema e despertando alegria, esperança, energia, confiança, coragem, força, entusiasmo e paciência.

O objetivo da terapia é identificar as causas emocionais que levaram ao surgimento dos sintomas, por isso é importante o acompanhamento do terapeuta, que estuda as causas dos desequilíbrios e, no melhor entendimento da personalidade do paciente, é capacitado para indicar a composição correta dos florais.

Nesse processo terapêutico, utilizam-se essências florais (extratos líquidos naturais e altamente diluídos de flores, plantas e arbustos), que agem em situações circunstanciais ajudando o indivíduo a vivenciar internamente tal situação, sem formar bloqueios energéticos e traumas emocionais. Esta é a função preventiva, a base da energia das flores.

Em outro momento, as essências florais agirão como catalisadoras de bloqueios e traumas já instalados no nível inconsciente, que estão levando o indivíduo à somatização mental, emocional ou física. Elas agem vibratoriamente nesses níveis, desbloqueando conteúdos reprimidos e desmontando sistemas de crenças nos quais esses conteúdos se apoiam, trazendo-os à consciência, dando assim, ao indivíduo, a oportunidade de mudar seu modo de pensar, sentir e agir.

Os florais de Bach não possuem princípios ativos ou apresentam contraindicações, efeitos colaterais ou interações medicamentosas com produtos alopáticos, homeopáticos ou com outras substâncias, alimentos ou bebidas e não apresentam toxicidade para as doses habituais, podendo ser utilizadas por bebês, gestantes e pequenos animais.

É uma terapia para os sentimentos, não para doenças físicas. Não se toma nem se indica florais para bronquites, sinusites ou gastrites. O que ocorre é que quando as doenças físicas são uma somatização de um desequilíbrio energético, mental ou emocional, e o indivíduo melhora emocionalmente, seus sintomas físicos também melhoram.

“Algumas doenças são causadas pelo conflito do EU Superior com a personalidade da sua real missão de vida com os desejos da sua personalidade.

Florais de Bach têm sido usados nos últimos anos como terapia complementar – reconhecida pela OMS (Organização Mundial da Saúde) -, não substituindo tratamento médico, psicológico e remédios alopáticos. É um método holístico de cura que busca tratar o homem de maneira global, nos níveis energético, emocional, mental e físico.

Alguns dos estados que os Florais tratam: 

  • Desânimo

  • Preocupações

  • Medos

  • Cansaço

  • Falta de autoconfiança

  • Culpas

  • Falta de esperança

  • Ressentimentos

  • Raiva

  • Insegurança

  • Angústia

  • Impaciência

  • Incertezas

  • Baixa autoestima

  • Ansiedade

  • Timidez